quinta-feira, 12 de novembro de 2009

PREGAÇÃO SOBRE COMUNIDADE



TEMA: Primeira Comunidade: Família
RESPONSÁVEL: Joyce Valadão Borges

REFLEXÃO PARA OS COORDENADORES DO ENCONTRO: A família é a primeira e mais próxima comunidade das crianças. É com ela que se aprendem as qualidades e defeitos que nos acompanharão por toda a vida. Uma família bem estruturada, construída sob um alicerce firme, na presença do Senhor é o primeiro passo para uma boa formação do caráter dos pequeninos. Que neste encontro, nossos olhos possam estar voltados para as famílias de nossas crianças, dando espaço para que elas apresentem sua primeira comunidade e as entreguem nas mãos de Deus.
As famílias estão no coração da Igreja pois, ela sabe a importância da família na estrutura e desenvolvimento de uma criança.Tudo começa no grande amor de Deus Pai para conosco. Ele poderia ter mandado simplesmente seu filho Jesus ao mundo, mas não Ele escolheu que Jesus viesse ao mundo no seio de uma família. Maria e São José educaram Jesus de tal modo que Ele crescia em estatura, graça e sabedoria. Os pais são para os filhos pela palavra e pelo exemplo os primeiros mestres da fé.
Encerramos essa reflexão lembrando o catecismo (CIC, 1656): “Em nossos dias num mundo que se tornou estranho e até hostil a fé, as famílias cristãs são de importância primordial, como lares de fé viva e irradiante.” Reflitamos se nossos lares tem sido dessa fé viva e irradiante e então deixemos transbordar desse amor e alcançar nossas crianças para que elas levem isso pra casa reiniciando um novo ciclo, como numa corrente do bem.

LEITURA SUGERIDA: Mc 3, 31-35

“Família que reza unida, permanece unida”
ORAÇÃO INICIAL: Receba as crianças com um abraço e diga que está feliz por ela ter vindo. Peça que cada uma agradeça pela sua família. Deixe-as falarem quem faz parte da sua família; logo em seguida rezem um Pai-Nosso e uma Ave Maria em homenagem a todas as famílias.


ATIVIDADES SUGERIDAS:• Contar em forma de teatrinho a história do Filho Pródigo (Luc 15, 11-32). O teatrinho pode ser feito com varetas. Use e abuse da criatividade!
• Após o teatrinho, pergunte às crianças se aquela família é a família ideal. Como seria a família ideal? Quais as características de uma família ideal? Tem que ter amor? Paz? Cooperação? União? Deixe-as falarem. Neste momento, as crianças usarão sua família como referência. Fique atento para àquelas que se mostram desconfortáveis com a discussão: pode ser indicativo de que algo na família não vai bem. Se sentir necessário, faça um momento de entrega das famílias nas mãos de Deus.
• Pode-se continuar o encontro com uma dinâmica que tem como objetivo descobrir qual equipe contêm as melhores características de uma família ideal:

- Faça 7 corações. Cada um será a representação de uma característica da família. As características são: comunicação, respeito, cooperação, união, fé, amizade e amor.

- O animador convida os presentes a formarem equipes em número não inferior a cinco pessoas. Certifique-se de que os grupos estão homogêneos.

- A dinâmica consiste em descobrir a equipe que melhor reflete as características de uma família ideal. Para isso, todos devem enfrentar uma série de provas. Para algumas, são concedidos vários minutos de preparação. Outras, porém, devem ser realizadas de imediato.

1- A equipe que escrever primeiro todos os nomes dos integrantes da sua equipe ganha o coração da comunicação.
2- A equipe que representar melhor uma cena familiar demonstrando o respeito entre pais e filhos ganha o coração do respeito. Os grupos têm 3 minutos para preparar o teatrinho.
3- A equipe que primeiro fizer uma roda com uma criança virada para o centro da roda e outra virada de costas para a roda alternadamente ganha o coração da cooperação.
4- O grupo que juntar primeiro 5 pedrinhas de tamanhos diferentes ganha o coração da união. Caso não tenha pedrinha por perto, escolha um objeto que eles necessitem procurar. Você pode esconder alguns objetos e a equipe que encontra-los primeiro ganha.
5- O grupo que melhor apresentar uma música católica com coreografia ganha o coração da amizade. As equipes têm 4 minutos para preparar a apresentação.
6- A equipe que melhor representar, através da mímica, um ensinamento de Jesus, recebe o coração do Amor. As equipes dispõem de quatro minutos para preparar esta prova.
7- A equipe que apresentar o melhor “slogan” pela igreja, recebem o coração da Fé. Dispõem de quatro minutos para se preparar.

- Ganha o jogo quem tiver acumulado mais corações.
NOTA: esta dinâmica dura cerca de 20 minutos.

• As crianças podem fazer um bonito desenho de suas famílias para encerrar este encontro. Observe como elas desenham o pai, a mãe e os irmãos assim você poderá conhecer um pouco das famílias dessas crianças e talvez até entende-la melhor frente as atitudes apresentadas por ela no seu dia a dia.

ORAÇÃO FINAL: Agradecer pelas nossas famílias e pedir que Deus sempre nos oriente e nos ensine a ser filhos, pais e mães que agradem à Deus Pai e Deus Filho. Terminar cantando: “o Senhor tem muitos filhos”.

Um comentário:

  1. mossa nao era isso que eu queria mais obrigada

    ResponderExcluir

DEIXE AQUI SEU RECADINHO