sexta-feira, 11 de abril de 2014

Oração dos dedos com Papa Francisco - adaptação para crianças

Oração dos dedos com 
Papa Francisco
Assim que li este lindo livrinhos logo me encantei com sua didática, o Papa Francisco é mesmo um homem de Deus capaz de nos levar a uma profunda oração! Esta sugestão de oração para as crianças é somente uma adaptação ao livrinho que o Papa Francisco escreveu, “A oração na ponta dos dedos”, ela serve apenas para ajudar os evangelizadores a promover um momento de oração onde as crianças conseguirão compreender melhor o que o Papa está ensinando nesta literatura.
Nos momentos de oração às vezes nos esquecemos de colocar aos pés da cruz pessoas que nos são tão importantes e que no corre-corre de nossas atividades acaba passando despercebidas, como o padeiro, pessoa que faz o pão quentinho todos os dias lá da padaria, o médico que sempre que estamos doentes o procuramos, a Presidenta Dilma que administra nosso país, o padre de nossa comunidade, a mamãe, bem como tantos outros que precisam de nossas orações!
E se para nós é difícil nos lembrar, imaginem para as crianças!  Elas conseguem se lembrar daqueles que estão bem pertinho, mas aqueles que elas não convivem diariamente acabam se esquecendo também e com esta oração dos dedos do Papa Francisco encontramos um jeito fácil de ensiná-las!
Nós, evangelizadores de crianças, temos a missão de ajudarmos os pequenos a rezar e a também de se lembrar de rezarmos pelos outros!
Assim quero convidar você a fazer um compromisso de em todas as semanas, no dia de seu grupinho de oração,  convidar as crianças a sempre rezar a oração dos dedos.
Como em todos os meses estamos fazendo a mobilização de oração, também devemos colocar a Renovação Carismática em nossas orações – no momento que estivermos rezando pelos governantes, lembre-se de colocar a Katia Zavaris, nossa coordenadora nacional e toda equipe e coordenadores de ministério nacional, estadual e diocesano.
Então vamos lá, comece assim: crianças olhem seus dedos – quem sabe o nome deles?
Este aqui é o polegar é o que fica mais próximo de nós, dizem que ele também chama “mata-piolho”, sabem por quê? As mães o usavam para matar o piolho!!O dedo seguinte é o indicador, usamo-lo para apontar as coisas, aponta aí! O próximo dedo é o mais alto. O pai de todos!  O quarto é o anelar e para surpresa de muitos, este é o nosso dedo mais fraco. Por último, O quinto é o dedinho mínimo, o menor de todos.
E quem conhece o Papa Francisco?? Pois é ele adora as crianças e lançou um livrinho que se chama “A oração na ponta dos dedos” , com ele podemos rezar com facilidade sem se esquecer de ninguém. Mas para isso vamos usar esta luva: olha que linda! (Vista a luva na mão) Com ela fica mais fácil ainda, vejam só: (na luva colocamos no polegar uma moça que representa as pessoas queridas, a mãe por exemplo, no indicador um padre que representa os professores, profissionais e sacerdotes, eles são pessoas que nos ensinam diariamente e ainda cuidam de nós. No dedo mais alto colocamos um rei para representar os governantes e coordenadores, no dedo anelar um jovem que representa os mais fracos e no dedo mínimo somos nós.


1 Dedo polegar – fazer um louvor – lembre-se das pessoas queridas: O primeiro dedo, qual é mesmo? Sim, o polegar, ele é o que fica mais próximo de nós não é isso? Então vamos começar rezando pelas pessoas que ficam mais próximas de nós. Quem são as pessoas mais próximas? Olha aqui no meu dedo polegar está uma mãezinha, então, as pessoas mais próximas são: o papai, a mamãe, os irmãos, os primos, a vovó, o vovô, os coleguinhas da escola... Então fale assim comigo: Senhor eu quero te louvar pelo meu papai, ele me leva para passear, é meu amigo... Pela mamãe, ela faz comida quentinha para mim todos os dias, cuida da casa, me ajuda nas tarefas, Quero te lovar também pelos meus irmãos, os primos, a vovó, o vovô, os coleguinhas da escola... vá conduzindo um grande louvor com as crianças, peça que elas falem...
Muito bem, agora vamos ver o próximo dedo:
2 – Dedo indicador  – fazer agradecimentos – lembre-se das pessoas que cuidam e ensinam: Dissemos que este próximo dedo é o indicador. Ele serve para indicar um lugar, uma pessoa... Pois bem, as vezes usamos ele para apontar e nos esquecemos de agradecer por tudo e todos. Ao irmos na padaria, compramos um pão e nos esquecemos de rezar pelo padeiro que fez opção quentinho e gostoso, ao irmos à farmácia compramos remédios e nos esquecemos de rezar pelos farmacêuticos, às vezes viemos a missa rezamos por tantas intenções e em nossas orações pessoais nos esquecemos de agradecer aos sacerdotes que nos oferece o corpo e sangue de cristo em suas celebrações. Sendo assim, reze por aqueles que ensinam, instruem e curam. Como chama o seu médico? E como chama o padre aqui da nossa Paróquia? Então falem comigo: Obrigada Senhor pelo meu médico, pelo padeiro, pelos padres... lembre as crianças de todos ao seu redor e agradeça com elas... Amém!

3 - Dedo médio – interceder – lembre-se dos coordenadores e dos governantes: O próximo dedo é o mais alto. Ele lembra nossos líderes: os presidentes, governadores, prefeitos, vereadores... E também nossos coordenadores, nacional, estadual e diocesano. Lembramos-nos sempre de reclamar deles, mas nos esquecemos de o quanto eles precisam de oração para Deus os dê sabedoria para tomarem decisões que nos atingirá diretamente. Crianças vocês sabem como se chama nossa Presidenta? Rezem pela presidenta Dilma! Ela precisa de nossas orações... E nosso governador? Vocês sabem? Nosso governador é o Antônio Anastasia, rezem por ele também! E o prefeito de Uberlândia? Gilmar Machado, ele precisa muito também da luz de Deus para compreender o que é melhor pro seu povo. Rezem também por outras autoridades. Essa gente dirige a nação e precisa da direção de Deus. Lembre-se que feliz é a nação cujo Deus é o Senhor. Coloque também nossa coordenadora Nacional a Katia Zavaris e toda a renovação carismática católica, para que possamos ser cal de graça na vida das pessoas.
4 - Dedo anelar – fazer pedidos – lembre-se das pessoas mais fracas: O quarto é o anelar. Para surpresa de muitos, este é o nosso dedo mais fraco, como pode atestar qualquer professor de piano. Ele deve nos lembrar de rezar pelos que são fracos, que estão em aflição ou dor. Essas pessoas precisam de nossa oração permanentemente. Coloque alguém que você conhece que está doente, pergunte as crianças sobre quem elas acham que precisa de oração – às vezes tem alguém que bebe, fuma ou mesmo briga muito e é fraco na fé. Peça mesmo com fé a Deus que esteja com estas pessoas, dê espaço para as crianças falarem para quem elas querem pedir que elas acham que precisa... Depois delas falarem, peça que repitam: Senhor, fique com todas estas pessoas que falamos e cuide bem delas, elas precisam de ti! Amém!
5 - Dedo mínimo – momento de pedir perdão – lembre-se de suas necessidades: O quinto e último é o dedinho mínimo, o menor de todos. É dessa forma que devemos nos colocar diante de Deus e assim pedir inicialmente perdão por todas as nossas faltas. O mindinho deve nos lembrar de rezar por nós mesmos, mas antes pedindo perdão a Deus e reconhecendo essa pequenez. Após ter rezado pelos outros quatro grupos, nossas próprias necessidades terão sido colocadas na perspectiva correta e seremos capazes de rezar por nós de forma mais eficaz. Se coloque para Deus como alguém que se faz bem pequenino, alguém que quer aprender mais, amar mais, conhecer mais a palavra de Deus e cuidar mais das coisas dEle. Que sejamos instrumentos de Deus na vida das pessoas e que aprendamos com Jesus a ser melhor e a perdoar mais para assim sermos mais de Deus. Que as crianças também saibam de sua importância na vida de outras crianças e que também conheçam o valor do pedido de perdão. Amém!
Assim fizemos uma linda oração onde pudemos ficar mais próximos de Deus e ainda desfrutamos de um momento onde nos tornamos muito íntimos de Dele.
Que Maria nos ensine a ser bem dóceis cotidianamente e que nos ajude a dizer:”eis-me aqui!”
Fiquem na paz e que Deus os abençoe sempre!
Samantta



Sobre o livro “ A oração na ponta dos dedos” do Papa Francisco editado pela Canção Nova – Você encontra este livro na Rainha da Paz
Sobre o Papa Francisco:
A oração é a respiração da alma!
Com frequência, não rezamos, talvez porque acreditamos que seja difícil fazê-lo ou porque imaginamos que seja difícil lembrar todas as coisas pelas quais devemos rezar. Eis aqui, então, um pequeno auxílio, para que você se lembre das coisas pelas quais deve rezar. Observe sua mão e, de modo especial, seus cinco dedos: cada um deles assinala uma intenção em particular.
Este convite à oração foi escrito há aproximadamente quinze anos, quando o Papa ainda era bispo de Buenos Aires. Trata-se de algo muito simples e que reflete a espontaneidade e o estilo do Papa Francisco. Um pequeno percurso de cinco pequeninos saltos... “na ponta dos dedos”.
Sobre o Autor:
Bergoglio estudou química, mas decidiu ser sacerdote e entrou para o seminário de “Villa Devoto”. Em 11 de março de 1958, passou para o noviciado da Companhia de Jesus.
Estudou sobre a humanidade no Chile e, em 1960, voltou para Buenos Aires, onde fez licenciatura em Filosofia no colégio “Maximo San José”, na cidade de “San Miguel”. Estudou Filosofia e Teologia, tornando-se, mais tarde, professor teológico. Considerado entre muitos como um líder nato, não demorou para que a Sociedade dos Jesuítas o promovesse como provincial da Argentina.
Bergoglio foi ordenado sacerdote em 13 de dezembro de 1969; em 20 de maio de 1992, João Paulo II nomeou-o Bispo Titular de Auca e Auxiliar de Buenos Aires. Em junho desse mesmo ano, recebeu, na Catedral Primada, a ordenação episcopal. Foi promovido a Arcebispo Coadjutor de Buenos Aires em 3 de junho de 1997.
O atual Pontífice de Roma foi criado cardeal presbítero, em 21 de fevereiro de 2001, e recebeu a barrete vermelha e o título de São Roberto Belarmino. Como purpurado, Bergoglio tornou-se conhecido pela humildade pessoal, pelo conservadorismo doutrinário e pelo compromisso com a justiça social.
Um estilo de vida simples contribuiu para sua reputação de humildade. Ele morava em um pequeno apartamento, em vez de residir na residência do bispo de palaciana. Agora como Papa, Francisco reside no Vaticano.






4 comentários:

  1. Oi gente! Desejo tanto falar com vocês, mas não consigo :(
    meu e-mail é silvanapaulina@uol.com.br
    Sou de Marília e precisamos da ajuda de vocês novamente :'(

    ResponderExcluir
  2. Já te respondi por email... Fique na Paz, Samantta

    ResponderExcluir
  3. Olá gente preciso falar com vocês também, meu nome é nilson sou do Rio de Janeiro estive com o Tio Flávio em São Lourenço e ele ficou de me mandar as formações ou até mesmo nos visitar........falo pelo facebook mas ninguém me responde...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Nilson, me adiciona no face: Samantta Oliveira - ou envie-me um email: rcccriancauberlandia@gmail.com.
      Fique com Deus e aguardo seu contato

      Excluir

DEIXE AQUI SEU RECADINHO